RECEBAM NOSSAS ATUALIZAÇÕES.*Obs. Após inscrever-se, acesse seu email,confirme a inscrição

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 21 de abril de 2014

BOCA DO ACRE é no interior do AMAZONAS x Amigão Educação x Amigão Geo Política e História


Boca do Acre é um município brasileiro localizado no interior do estado do Amazonas. Pertencente à Mesorregião do Sul Amazonense e Microrregião do Purus, sua população, de acordo com estimativas do IBGE em 2011, era de 30 906 habitantes.
A origem do nome vem do fato de que a cidade se localiza na foz do rio Acre no rio Purus.       [Leiam mais...]    Ver CCB na Floresta Amazônica




Economia

A economia de Boca do Acre se baseia na pecuária. O município não apresenta significativas indústrias e possui um setor de serviços pouco desenvolvido, característico de subdesenvolvimento. Mesmo sendo município do Amazonas, é altamente dependente da capital do Acre, Rio Branco.

História

A cidade de Boca do Acre nasceu na confluência dos rios Acre e Purus. Em 3 de fevereiro de 1878 aportou na região o navio Anajás, de propriedade da Companhia de Navegação do Rio Amazonas, sob o comando do piloto Carepa, sendo o chefe da expedição o Comendador João Gabriel de Carvalho e Melo, vindo com o mesmo 56 cearenses, um amazonense, um paraense, um piauiense e um português.

Geografia

  • Temperatura média: 30°C
  • Acesso: Via Terrestre, Via Fluvial
  • Vegetação dominante: classificada como floresta tropical densa.
  • Hidrografia: a rede hidrográfica do município pertence à bacia do rio Purus, que tem como afluentes principais os rios Inauini e Pauini, além de vários igarapés, todos à margem esquerda. Dentre os igarapés podem-se destacar o Capana, São Francisco, Igarapé Preto, São Domingos e Igarapé Grande.

Curiosidades                            Leiam mais WikiPedia

  • Conhecido por eleições disputadas principalmente longe das urnas, com casos de violência e intolerância ideológica;
  • Possui uma das maiores criações de gado de corte do estado (AM), estando atrás apenas do município de Parintins;
  • É formada por duas regiões distintas separadas por 6 km de distância: Platô do Piquiá, mais desenvolvida, sendo a sede do município, e Cidade baixa, imperado pela falta de desenvolvimento e poucos investimentos na economia;
  • Um dos pouquíssimos municípios do Brasil sem aeroporto funcional   

    CHEIA – Sul do Amazonas, Humaitá sofre com a cheia do Rio Madeira...
    O nível do Rio Madeira chegou ao nível histórico de 18,75 m. Além de Porto Velho, Guajará Mirim e
    Nova Mamoré em Rondônia
    , as cidades de Humaitá e Apuí, além do Distrito de Santo Antonio de Matupi, pertencente ao município de Manicoré, no sul do Amazonas, também sofrem as consequências da cheia do Rio Madeira. Vejam fotos e comentários








    Enchente do rio Madeira em Rondônia ameaça isolar o estado do Acre

Um comentário:

Skyline Spirit disse...

pretty nice blog, following :)

Amigão visualizações, agradecimentos...volte sempre; divulgue e compartilhe